Segredos do Brasil


Cada vez que a gente pensa que já viu de tudo vindo dos políticos brasileiros, surge uma nova pérola. Agora o governo trabalha para manter o sigilo.
Sigilo de que?
De tudo.
Tudo que for possível esconder deve ser escondido.
Documentos oficiais, informações públicas, documentos vinculados aos anos da ditadura militar, informações históricas sobre a atuação brasileira na conquista das atuais fronteiras, na guerra do Paraguai, atuação do corpo diplomático brasileiro no regime de exceção, participação do ministério de relações exteriores na operação Condor (ação coordenada dos regimes ditatoriais sul-americanos na captura de opositores).
E mais, agora o governo federal quer manter em segredo orçamentos feitos pelos próprios órgãos da União, de Estados e municípios para as obras da Copa do Mundo de 2014 e da Olimpíada do Rio em 2016.
É o orçamento secreto.
Já pensou? Que festa!!!
Quem tem poder para pensar, decidir, resolver, se não o "governo"?
Para que prestar contas  de despesas tão importantes para o povo como os da copa e olimpíadas?
É tudo para alegria do povo. E a felicidade do povo não tem preço (gasta-se o que for necessário).
Só é preciso manter o sigilo de quanto foi gasto e quem recebeu pelo "serviço". Se soubermos quanto custará, talvez a alegria não seja tão exuberante.
O governo se esforça para esconder do povo até o conhecimento, já que oferece um ensino público de qualidade deplorável.
Ministro também esconde. Não é justo divulgar como se multiplica património em pouco tempo. Isso é informação para muito poucos.
O povo não precisa saber de nada. Povo que sabe só atrapalha (assim eles devem pensar).


Veja Também:

Auxílio Paletó
Brasil em último?
O Mini Metrô

Postar um comentário