Eleições: Em quem Votar?

Em quem votar?

Sempre que chega próximo as eleições, somos inundados por propaganda eleitoral de toda ordem. Na TV, correspondência de candidatos com os quais nunca se teve nenhum contato, cartazes pelas ruas (agora um pouco mais civilizado já que não temos mais pichações de paredes, monumentos, viadutos, nem aqueles indefectíveis panfletos colados em lugares inimagináveis). Mas com tanta propaganda, todo o clima eleitoral montado, surge a pergunta:
Em quem votar?
As propostas são sempre as mesmas (mentirosas), as caras são sempre as mesmas (de pau), o sentimento é sempre o mesmo (de já ter visto isso tudo antes e não ter gostado).
Assim, por tudo isso,  meu candidato a algumas eleições é sempre o mesmo.
Não ele não se reelegeu, na verdade ele nunca se elegeu.
Meu candidato é "NULO". Conhecem?
É sim, é assim que tenho votado há algumas eleições e acredito que se "NULO" tivesse mais eleitores, seria uma forma de mostrar a insatisfação com o que hoje esta aí posto como política nacional.

Todos somos políticos (precisamos ser), mais ser político, agir politicamente, não significa dar meu voto de confiança de forma forçada, a uma turma na qual eu claramente não confio.
O fato é que eu vejo todos os candidatos e não confio em nenhum.
A forma como a política e os político se comportam por essas bandas precisa ser revista. Do jeito que está não consigo votar em outro candidato.
Assim, meu voto tem sido e continuará a ser:

Escolher um candidato: Tarefa difícil


NULO para presidente
NULO para governador
NULO para prefeito
NULO para senador
NULO para deputado federal
NULO para deputado estadual
NULO para vereador


Veja Também: 

Relação entre ratos e pobreza
Ninguém Merece
Auxílio Paletó
Postar um comentário